Anima Christi: a belíssima oração medieval cantada

Anima Christi

A oração do Anima Christi surgiu na primeira metade do século XIV, e foi enriquecida com numerosas indulgências pelo Papa João XXII em 1330, e por esse motivo, acredita-se que ele mesmo tenha sido o autor. É comum vermos a oração sendo atribuída a Santo Inácio de Loyola (1491-1556) como criador, pois o santo a incluiu sempre em seus “Exercícios Espirituais”, mas sabe-se que não, pois ela é de origem medieval, de um tempo bastante anterior ao dele. 

O escrito mais antigo foi achado no British Museum de Londres, datado de 1370. Em Avignon, na França, conserva-se um livo de orações do Cardeal Pedro de Luxemburgo, falecido em 1387, e nele encontra-se a oração na forma que a rezamos hoje.

Confira a letra e a tradução dessa belíssima versão cantada, e logo abaixo o vídeo com a música:

Anima Christi (Alma de Cristo)

Anima Christi, sanctifica me
Alma de Cristo, santifica-me
Corpus Christi, salva me
Corpo de Cristo, salva-me
Sanguis Christi, inebria me
Sangue de Cristo, inebria-me
Aqua lateris Christi, lava me
Água do lado de Cristo, lava-me

Passio Christi, conforta me
Paixão de Cristo, conforta-me
O bone Jesu, exaudi me
Ó bom Jesus, escute-me
Intra tua vulnera absconde me
Entre suas feridas, esconde-me

Anima Christi, sanctifica me
Alma de Cristo, santifica-me
Corpus Christi, salva me
Corpo de Cristo, salva-me
Sanguis Christi, inebria me
Sangue de Cristo, inebria-me
Aqua lateris Christi, lava me
Água do lado de Cristo, lava-me

Ne permittas at te me separare
Não permita que me separe de Ti
Ab hoste maligno defende me
E dos exércitos do maligno, defenda-me
In hora mortis meae voca me
E na hora da morte, chama-me

Anima Christi, sanctifica me
Alma de Cristo, santifica-me
Corpus Christi, salva me
Corpo de Cristo, salva-me
Sanguis Christi, inebria me
Sangue de Cristo, inebria-me
Aqua lateris Christi, lava me
Água do lado de Cristo, lava-me

Et iube me venire ad te,
E deixe-me ir a Ti
Ut cum Sanctis tuis laudem te
e com Teus Santos, louvar a Ti
Per infinita saecula saeculorum
Pelos infinitos séculos dos séculos
Amen
Amém

Anima Christi, sanctifica me
Alma de Cristo, santifica-me
Corpus Christi, salva me
Corpo de Cristo, salva-me
Sanguis Christi, inebria me
Sangue de Cristo, inebria-me
Aqua lateris Christi, lava me
Água do lado de Cristo, lava-me

Fonte: Orações e Milagres Medievais